23/11/2018

Monte Verde completa 68 anos na próxima quinta-feira

O distrito turístico de Monte Verde completa, na próxima quinta-feira, 68 anos. Para comemorar a data, a Prefeitura preparou dois dias de festa para os moradores. Na quarta-feira, dia 28, show com a Banda Dona Benta. E na quinta, dia 29, show gospel com Luan Bueno & Banda.

O dia 29 de novembro é marcado com a data em que Verner Grinberg (1910-2006), fundador do vilarejo, vendeu o primeiro lote no local, iniciando a formação de um povoado com a abertura de ruas e construção de casas.

História de Monte Verde

A história de Monte Verde se confunde com a história de Verner Grinberg, que chegou com sua família ao Brasil em meados de 1916, durante a Primeira Guerra Mundial. Atraídos por uma companhia inglesa que explorava madeira, os Grinberg e outros imigrantes da Letônia, instalaram-se numa colônia leta, em S. José dos Campos.

Em 1921 é formada a Colônia Varpa, que abriga o mais importante núcleo de imigração da colônia leta para o Brasil. Foi nessa colônia, próxima à cidade de Paraguaçu Paulista, que Verner Grinberg conheceu Emília Leismeir.

Em 1936, já casado com Emília, Verner e seu pai sobem até o pé da Serra da Mantiqueira, em lombo de burro, abrindo picada no meio do mato, em busca de um lugar chamado Campos do Jaguari, município de Camanducaia, lugar de clima e paisagens semelhantes à Europa. Em 1938 adquire terras na região e inicia a formação de uma fazenda. Com o passar do tempo, muitos de seus amigos e conhecidos começaram a sentir atração pelo lugar.

Aos amigos e parentes, geralmente europeus e adeptos de sua religião, a batista, cedia terreno para que construíssem casas e viessem morar na fazenda, hoje Monte Verde. A partir de 1950, Grinberg começou a fazer loteamentos de suas terras e a investir na infra-estrutura da vila. Atualmente, Grinberg, nascido em 1910, e sua esposa, Emília, moram em Bragança Paulista, no interior de São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *